O Coliseu
"Existirá até o Coliseu, existem Roma; quando o Coliseu cair, Roma cairá; mas quando Roma cai, o mundo vai cair bem"

Atividades gratuitas em Roma
O Coliseu de graça
Os seguintes têm direito a entrada gratuita no Coliseu:
  • Todos os cidadãos com menos de 18 anos
  • Pessoas com deficiência e seus familiares ou acompanhantes pertencentes aos serviços sociais e de saúde
  • Guias turísticos da UE no exercício da sua atividade profissional
  • Professores de História da Arte de instituições de ensino médio
  • Intérpretes turísticos da UE no exercício da sua atividade profissional
  • Funcionários do Ministério do Patrimônio Cultural e Atividades
  • Membros do ICOM (Conselho Internacional de Museus)
  • Membros do ICCROM (Organização Internacional para a Conservação do Patrimônio Cultural)
  • Alunos das escolas do Instituto Central de Restauração, Opificio delle Pietre Dure, Escola de Restauração de Mosaicos
  • Jornalistas inscritos no registo nacional e jornalistas de qualquer outro país, no exercício das suas funções e mediante apresentação de documento comprovativo da actividade profissional exercida
  • Grupos de escolas públicas e privadas da UE, acompanhados pelos professores por reserva
  • professores e alunos das faculdades de arquitetura, conservação do patrimônio cultural, ciências da educação e cursos de literatura ou assuntos literários com endereço arqueológico ou histórico-artístico de universidades e academias de todos os países membros da UE. O ingresso é emitido aos estudantes, mostrando o certificado de matrícula para o ano acadêmico atual
    O ingresso grátis deve ser reservado online
    Por ocasião do #domenicalmuseo, o primeiro domingo do mês, o Coliseu, o Fórum Romano e o Monte Palatino terão entrada gratuita para todos.


    Passeios grátisPasseio a pé gratuito - Trastevere, Isola Tiberina e gueto judeu
    Para descobrir alguns bairros históricos da cidade, onde o tempo parece ter parado.
    Trastevere, antiga área de residência da população etrusca na margem direita do Tibre. Atravessando o rio, você parará na Ilha Tiberina antes de chegar ao Bairro Judeu, onde Roma ainda abriga a comunidade judaica mais antiga da diáspora. Passear pelas ruelas estreitas do distrito permitirá que você volte no tempo em que a área era considerada uma das mais pobres e insalubres da cidade, embora não sem evidências de um passado glorioso. Após o período de prisão, as subsequentes emancipações e perseguições, o distrito se tornou uma das áreas mais elegantes da capital, frequentada por turistas e romanos atraídos pelos inúmeros restaurantes que servem os pratos característicos da culinária judaica-romana. .


    Duração do passeio: 2 horas e 30 minutos.
    Reservas (A reserva é gratuita e serve apenas para reservar e ingressar no grupo. Quando o passeio terminar, você decide quanto pagar. )


    Eu amo sushi
    De 14 de setembro a 25 de novembro, Istituto Giapponese di Cultura , Via Antonio Gramsci , 74

    Refinado, saudável, esteticamente impecável e requintado, o sushi é hoje um prato familiar nas mesas de todo o mundo. Originário do Sudeste Asiático/Sul da China, o sushi chegou ao Japão há cerca de mil anos, e desde então mudou radicalmente, graças à abundância de recursos naturais locais, à aplicação de novos conhecimentos e ideias. da exposição, para constituir um guia visual aprofundado do grande encanto do sushi, proporcionando a oportunidade de compreender a evolução que no Japão levou à sua forma atual, e como o país o modificou para acomodar e acomodar , fatores culturais , aspectos sociais das diversas realidades locais.
    Horário : 9h00-12h30 - 13h30-17h00 (segunda a sexta-feira)
    Gratuito

    Sua Majestade a Rainha
    De 19 de setembro a 19 de outubro, Galleria Restelliartco , Via Vittoria Colonna, 9

    Rainha Elizabeth II é contada pelo olhar original e pouco convencional do londrino K-Guy e do italiano Fabio Ferrone Viola.K-Guy que há anos conquista a mídia por seu estilo sarcástico e pouco convencional foca nas sombras que sempre acompanham a figura de o monarca, provavelmente referindo-se também à complicada relação do soberano com os cidadãos da Comunhão das ex-colônias. As obras de K-Guy foram exibidas em todo o mundo e adornam as paredes das casas de famosos astros do rock internacional. com a "Rainha Fluo" de Fabio Ferrone Viola, na qual a soberana é retratada em pleno estilo pop. Ferrone Viola está muito atento à reciclagem e em suas obras materiais descartados ou em desuso voltam a uma nova vida tornando-se elementos essenciais e indispensáveis ??da arte. A Rainha Elizabeth é feita de tinta acrílica sobre tela usando tampinhas de garrafa, enquanto os óculos de sol de plástico para proteger seus olhos, dão ao trabalho um caráter lúdico e irônico.
    Horário : 10:30–13:30 - 15:30–20:00 (segunda-feira)
    10:30–14:00 - 14:30–20:00 (terça a sábado)
    Gratuito



    Memória Manifesta
    De 7 a 29 de outubro, Up Urban Contemporary Factory, Via dei Salumi, 53

    Com uma pesquisa artística voltada para história e memória, Leonardo Crudi, Elia Novecento e Marco Riccioni propõem sua narração pessoal dos personagens, ideais e princípios que inspiraram a escrita do manifesto. A exposição é composta por uma série de trabalhos em papel criados a partir da combinação de imagens e palavras: confinamento, justiça, liberdade são apenas alguns dos temas recorrentes relatados e repropostos dentro das obras para analisar o quanto ainda estão cheios de sentido e capazes de provocando um debate.
    Horário : 16h30-18h30 (segunda e quarta-feira)
    11h00-15h00 (terça-feira)
    11.00-15.00 - 16.30-20.30 (quinta e sexta-feira)
    10.00-12.00 - 18.00-20.30 (sábado)
    Gratuito

    Haiku: Exposição de Domingo regazzoni
    De 5 de outubro a 5 de novembro, Galleria SpazioCima, Via Ombrone, 9

    Cerca de trinta trabalhos coloridos em exposição, em que a poesia toma forma, reinterpretando precisamente estas composições orientais, através de trabalhos evocativos no papel. A exposição rees propõe a tendência criativa assumida pelo artista desde os anos 90, sempre com o objetivo de sintetizar as imagens de variadas formas poéticas, em busca de um ponto de encontro entre as diferentes artes. Com esta exposição, também inspirada na antiga técnica kintsugi, ou seja, a arte de voltar a juntar os fragmentos com ouro, Domenica Regazzoni recolhe fragmentos de outras obras, compondo novas formas e libertando emoções renovadas.
    Horários : Das 15h30 às 19h30 (de terça a sexta-feira)
    Das 16h00 às 19h00 (sábado)
    Grátis

    Cultivar mundos
    De 23 de setembro a 16 de dezembro, Galleria Triphè, via delle Fosse di Castello, 2

    O cromatismo, a materialidade, as formas explosivas, distinguem as obras de Sérgio Angeli.As obras do artista são emblemáticas da realização de uma história, de facto, regenerada como uma reação firme aos tempos sombrios que estamos a passar. Na suspensão momentânea "os números não figuram" procuram uma nova definição, um novo centro permanente de gravidade. A pesquisa de Angeli, na fase de suspensão de um novo horizonte histórico, revela como é constante questionar-se com figuras embrionárias que se agarram umas às outras e se colocam num estado não natural de sofrimento extremo.
    Grátis

    Primeiro domingo do mês: Museus GratuitosDomingo, 2 de Outubro de 2022, Roma
    O encontro com Domenica Al Museo está de volta e entrada gratuita em todos os museus e sítios arqueológicos do município de Roma.
    No próximo domingo, os seguintes museus terão entrada gratuita: os Museus Capitolinos
    Mercados de Trajano - Museu dos Fóruns Imperiais
    Museu Ara Pacis
    o Centrale Montemartini
    , o Museu de Roma - Palazzo Braschi
    o Museu de Roma em Trastevere
    a Galeria de Arte Moderna
    os museus de Villa Torlonia
    o Museu Cívico de Zoologia
    Museu de Escultura Antiga Giovanni Barracco
    o Museu Carlo Bilotti - Orangery Villa Borghese
    o Museu Napoleônico, o Museu Pietro Canonica em Villa Borghese
    o Museu da República Romana
    o Museu do Casal de "Pazzi
    o Museu das Muralhas e a Villa de Maxentius
    e nas áreas arqueológicas do Circo Máximo e nos Fóruns Imperiais


    Exposição Mare Omnis de Francesco Zizola
    De 15 de setembro a 29 de outubro, Galleria del Cembalo, Largo della Fontanella di Borghese, 19

    Uma coleção de 22 fotografias em preto e branco de grande formato que evocam as constelações na escuridão do cosmos, mas que na realidade são armadilhas, ou seja, redes de pesca. pesqueira, local, sustentável, segundo tradições seculares, investigando a relação do homem com a natureza e sua influência no mar declinada através de uma linguagem visual articulada e complexa. remenda aquela separação entre homem e natureza adotada pela sociedade contemporânea: água que se torna uma paisagem abstrata, peixes capturados em redes densas imersas no mar.
    Horário : das 15h30 às 19h00 (quarta a sexta-feira)
    das 11:00 às 19:00 (sábado)
    Gratuito

    Visão geral do cinema: exposição de Luca Musk
    De 12 de setembro a 11 de outubro, Casa del Cinema, Largo Marcello Mastroianni, 1

    É uma homenagem ao cinema italiano e internacional através da interpretação das imagens-chave de grandes filmes, atores famosos e cenas memoráveis, tudo o que parou o olhar para se tornar história, imaginação coletiva, a própria arquitetura das emoções, retrabalhada através de técnicas tradicionais refinadas , como lápis, tinta, aquarela e novos processamentos digitais. Uma viagem por cem obras de retratos, ilustrações e cenários.
    Horário : Das 10h às 20h (segunda a domingo)
    Gratuito

  • Além do Coliseu


    il-Colosseo.it S.r.l.
    P. IVA: 14810651001
    Todos os direitos reservados
    Informações sobre o uso de cookies
    Política de Privacidade